Empreitada de Proteção, Consolidação e Valorização da Baía do Fanal – 1ª Fase

In:
Share:

A presente empreitada consiste na execução de um percurso pedonal desde a baía do Fanal até ao Relvão, incluindo a ligação da estrada do Relvão à Rua do Conselheiro José Silvestre Ribeiro e a criação de um parque de estacionamento.

O terreno a intervir é muito vasto e diferenciado, sendo caracterizado no projeto por 4 zonas de intervenção distintas:

Relvão: zona composta por um arruamento em terra batida que estabelece a ligação entre o acesso ao Monte Brasil e a Rua Conselheiro José Silvestre Ribeiro e pelo antigo campo de treinos do exército que é constituído por quatro patamares a cotas diferentes.

Percurso Histórico: percurso em pedra, que se desenvolve em frente à Fortaleza de São João Batista e que faz a ligação entre o Relvão e o Caminho Novo.

Terreno Agrícola: situado no fim do percurso histórico e no tardoz das moradias do Caminho Novo e Canada do Sarilho, onde passará no novo percurso pedonal.

Fanal: esta zona compreende um percurso pedestre existente junto à encosta e uma zona habitacional.

Na zona do novo percurso pedonal (terreno agrícola) será executado um percurso orgânico que acompanha a linha da costa. Será criada uma faixa verde entre a encosta e o percurso, onde se colocará uma vedação de proteção junto aos salgueiros que delimitam a encosta.

Na zona do novo percurso situada mais a sul será feita uma ligação entre o novo percurso pedonal e o histórico, assumindo-se o alinhamento do percurso existente e garantindo dessa forma a privacidade dos logradouros das moradias do Caminho Novo. Será colocada uma vedação nesta zona, para impedir a passagem do gado que por ali pasta para o percurso.

Cliente: Câmara Municipal de Angra do Heroísmo
Local: Relvão-Fanal, Angra do Heroísmo